Sou gordinho e feliz, algum problema?

Por


Postado em 28 de March de 2016


hapiness-postDepois de muito pensar resolvi inaugurar o blog com esse texto que é um pouco o retrato da minha vida. Não, não, não sou gordinha e nem tão feliz assim mas quero abordar um tema que é meio obscuro na nossa mente pós 20 anos, a autoestima.

Sei que vocês já vão pensar, lá vem a magra falar de autoestima. O que sabe ela? E acreditem, eu sei assim como vocês, magros, gordos, meio termos e etc.. Vivemos no mesmo mundo cercado de pessoas lindas que postam fotos incríveis e vivem felizes, e claro, são magras. Eu mesma já tive 14% de gordura, e sabe o que consegui com isso? Querer chegar aos 10% para ficar como a fulana de tal. Mas ficar como a fulana de tal? E eu? Seguimos essas celebridades nas Redes Sociais e quando percorremos suas atualizações, elas estão cada vez mais lindas, como pode? É exatamente aí que está o problema. Calma! Não digo para darmos uma de rebeldes e pararmos de seguir essas pessoas, e sim trabalharmos nossas cabeças sobre o que representa esse seguir. A primeira coisa que não pode acontecer é aquele olhar clássico de inveja…de eu sempre quis ter esse corpo, ou essa vida. Pera um pouco, os caras estão aí por um grande esforço, e você realmente tem gás para esse esforço? Você quer abrir mão de comer na casa da mamãe sem contar calorias? Sair com os amigos e tomar aquela cervejinha? Comer aquela massa a noite num jantar romântico? Quer? Então vai atrás…. Agora, não quer e fica acabando com sua autoestima só em olhar as outras pessoas, aí sim, precisamos rever alguns conceitos.

As redes sociais das celebridades saradas devem lhe servir como incentivo ou até mesmo uma espécie de passa tempo e admiração, só isso. Naaaadaaaa de inveja extrema. Porque se você está feliz com seu corpo, meu querido (a), é o que importa. Aí vem outro tema, mas Mariana, estou feliz só que meu colesterol está nas alturas, meu coração não vai bem e minha glicose está bombando. Esse é um graaaande problema! Você pode ser gordinho, lindo e saudável, você sabia? Eu digo que a sociedade vem evoluindo em busca dessa vida saudável, e agora temos acesso a muitos produtos, atividades e profissionais que antes eram só vistos fora do país.

Então meu recado para vocês e para mim também é: se fulano ou fulana estão com aquele percentual de gordura encostando no chão, legal para eles. E você está feliz com seu percentual não tão baixo assim e cuida da sua saúde, muito melhor para você. Você é real, busca a vida saudável com moderação e é feliz com seu estilo de vida e corpo. A palavra chave das nossas vidas continua sendo autoestima. A maneira como você se trata irá determinar como será tratado pelos outros. Não se esqueça que você é único (a) e deve refletir sobre isso, fale bem de você, não se maltrate e busque sempre a saúde. Moovup.